Intel HD Graphics 640 é Boa? Review e benchmark em jogos

A Intel HD Graphics 640 é Boa? Confira todas as especificações, review, benchmark em vários jogos e saiba quais games rodam na placa integrada.

A GPU integrada que vamos abordar agora tem suas características incorporadas nos modelos de processadores Kaby Lake, lançados no início do ano de 2017 pela Intel. Sua principal vantagem é que ela trabalha com um baixo consumo de energia (conhecida também como tecnologia ULV), trabalhando com apenas 15 watts e cerca de 64 Megabytes de memória eDRAM dedicada.

Se comparada com sua antecessora 540 da geração Skylake, não teve muitas diferenças. A 640 também vem equipada com 48 unidades de execução, podendo atingir velocidade do cock de até 1050 MHz (variando dependendo do modelo de seu processador);

Um modelo equipado com a GPU integrada que podemos destacar é o i7-7660U, apresentando dependendo do game, resultados semelhantes a placa de vídeos dedicadas de entrada, como a GeForce 920M e alguns casos a 940M.

Intel HD Graphics 640 especificações:

Velocidade do GPU: 300 MHz.

Velocidade do GPU Turbo: 1050 MHz.

Tipo de Memória: DDR4 ou DDR3 com o máximo de 64MB dedicado.

Tecnologia: 14 nm.

Arquitetura: Kaby Lake.

Data de Lançamento: 03/01/2017.

Intel HD Graphics 640 em jogos

Intel HD Graphics 640 é Boa Review e benchmark em jogos

Mesmo sendo uma placa gráfica integrada, ela tem um bom poder de processamento. Alcançando bons números em games com gráficos intermediários, como por exemplo: Farming Simulator 17, chegou na casa dos 91 frames na configuração média em 768p, Tomb Raider também na configuração mediana e 768p, ficou com 61 FPS, que são números suficientes para rodar bem tranquilamente esses títulos.

Leia Também:

Review completo da Intel HD Graphics 515

Até mesmo em casos de games mais pesados ela apresentou uma performance razoável, podendo destacar títulos como: GTA V no médio e resolução 768p, apresentou 29 frames, Battlefield 4 com 36 FPS também na configuração gráfica mediana e 768p e Raibow Six Siege que mostrou 31 FPS nas mesmas configurações. A casa dos 30 frames não é uma maravilha para quem é aficionado por jogos, mas para se ter uma ideia, essa taxa de quadros fica presente na maioria dos vídeo games. Mas se for o seu caso, mude apenas a configuração gráfica para baixo e estará bem próximo dos 60 FPS.

Intel HD Graphics 640 em programas pesados

Você pode utilizar com muita tranquilidade os navegadores da internet, o Microsoft Word, Power Point ou Excel e assista vídeos e filmes em Full HD.

Na categoria intermediaria de consumo da GPU, os programas como: Corel Draw ou Adobe Photophop para edições de imagem e Sony Sound Forge ou Audacity para edições de áudio, ela também trabalha com certa facilidade.

Nos casos de aplicações mais robustas como: Auto Cad ou Bleder para modelagens em 3D e Vegas Pro ou Adobe Premier Pro para edições de vídeo, ela vai ter um desempenho razoável. Não esqueça de equipar com no mínimo 4GB de memória RAM ou 8GB para uma configuração recomendada.

Conclusão

A maioria dos programas podem ser utilizados por essa placa integrada, não por causa de sua memória dedicada, mas sim pelo seu poder de processamento.

Com ela é possível jogar muitos títulos intermediários e alguns pesados (lançados até 2015 dependendo do jogo).

No caso de games com gráficos intermediários podemos destacar games que podem ser rodados, alguns exemplos como: Farming Simulator 17, Tomb Raider 2013, Overwatch, Need for Speed Most Wanted 2012, FIFA 16, Dirt Rally, entre outros.

Para você que gosta de títulos mais pesados, alguns que recomendados para essa placa são: GTA V, Rainbow Six Siege, Star Wars Battlefront, Battlefield 4, FIFA 18, Titanfall 2, entre outros. Você pode até mesmo configurar no médio, mas lembrando que os números de frames vão ficar na casa dos 30 FPS (configure no baixo para ter melhores resultados).

Cuidado nem todos os games pesados vão rodar tranquilamente, como no caso de alguns como: Mass Effect Andromeda, Deux Ex Mankind Divided, The Division, The Witcher 3, The Evil Within 2, por se tratar de games recentes e que utilizam muito da GPU, acarretando em menos de 30 fps ou mais, mesmo na configuração baixa.

Acesse Também:

A Intel HD Graphics 6000 é boa? Confira nesse review

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *